Artigos Café Brasil
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Um Podcast Café Brasil com quase três horas de duração ...

Ver mais

Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Olha, os dias andam um saco! Todo mundo nervoso, ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

Pandemia ou misantropia?
Filipe Aprigliano
Iscas do Apriga
Mais importante que defender a sua opinião, é defender o direito de livre expressão e escolha.

Ver mais

Revisionismos e intolerância
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Revisionismos e intolerância “Sabemos que ninguém jamais toma o poder com a intenção de largá-lo. O poder não é um meio, é um fim em si. Não se estabelece uma ditadura com o fito de salvaguardar ...

Ver mais

Motivos de orgulho
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Motivos de orgulho Numa época repleta de dificuldades, pessimismo e más notícias como a que estamos vivendo em razão da pandemia de coronavírus e suas consequências sanitárias, econômicas, ...

Ver mais

5 ações de marketing para ajudar a superar a crise do coronavírus
Michel Torres
Negócios em todo o mundo estão sentindo os efeitos da pandemia: menos clientes, menor receita e o medo de não ter condições de aguentar esse tempo de prejuízo. Precisamos salvaguardar a saúde e o ...

Ver mais

Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Estamos assistindo a uma revolução na mídia, meus ...

Ver mais

Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Se você vê algum valor em nosso trabalho, acesse ...

Ver mais

Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Não coloque a distribuição do seu trabalho nas mãos das ...

Ver mais

Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Qual janela você escolheu para ver o mundo?

Ver mais

Entre Rios

Entre Rios

Luciano Pires -

E lá fui eu fazer minha palestra O MEU EVEREST em Guarapuava, no Paraná. Pra chegar lá tive que desembarcar em Curitiba e pegar a estrada que vai para Foz do Iguaçu. E dá-lhe chão… São mais de três horas de estrada.

Minha palestra encerraria um evento da Cooperativa Agrária Agroindustrial que fica no distrito de Guarapuava, a cerca de 30 quilômetros da cidade. O lugar chama-se Entre Rios. E o que ocorreu quando cheguei foi uma sucessão de surpresas.

A Cooperativa foi fundada em 1951 por imigrantes alemães, austríacos e iugoslavos do vale do Danúbio. Ao deixar a estrada principal para entrar no “território” da Cooperativa, parecia que eu havia saído do Brasil.

O complexo da Cooperativa está distribuído ao longo de uma estrada em formato de “u” que sai e retorna para a rodovia principal. Quando você entra nessa estrada secundária, muito bem cuidada, começa a ver paisagens inesperadas. Os campos plantados, tudo muito bem tratado, e a cada 10 quilômetros uma comunidade. São agrupamentos de casas com arquitetura européia e um clima muito diferente do nosso. Pequenas comunidades com recursos modernos, casas bonitas, sem cercas e com grandes gramados. Parecia que eu estava no interior da Europa.

Quando cheguei à área onde ficam as instalações administrativas da Cooperativa, encontrei um imenso churrasco – preparado por voluntários – para quase mil pessoas. Uma imensa festa comunitária de interior onde todo mundo conhece todo mundo. Bonito de ver, me senti com dez anos de idade, em Bauru…

E então fui para o local da palestra, dando de cara com um excelente auditório, bonito, construído para ser um auditório e não apenas adaptado. Cadeiras confortáveis e capacidade para 800 pessoas, som e imagem de primeira. Juro que eu esperava um galpão improvisado. E comecei a reparar nas conversas do pessoal: falavam de “green belts e black belts”, de 6 Sigma e qualidade total, de indicadores e processos administrativos como aqueles com os quais lidei em 26 anos de mercado automotivo. Nada demais, se eu não estivesse dentro de uma cooperativa agrícola, em meio a uma comunidade do interior do Paraná. Eu estava rodeado de profissionais de primeira linha, gente viajada e antenada com o que existe de mais moderno nas teorias de administração pelo mundo. A Cooperativa Agrária Agroindustrial tem 1.100 empregados diretos e 520 cooperados. É grande produtora de malte (a cerveja brasileira que você toma, seja qual for a marca, tem malte deles!). Também trigo, rações e moagem de soja. E estavam preparando a inauguração de uma nova instalação onde investiram 160 milhões de reais e que praticamente dobrará a capacidade de produção da Cooperativa.

Olha só: eu não estava mais uma vez diante da maravilha que é o potencial de nosso solo, uma daquelas coisas que Deus fez no Brasil e que tanto nos orgulham. Eu estava diante de homens e mulheres – brasileiros – que estão tirando da terra o melhor que ela pode dar, com índices de produtividade capazes de causar inveja em qualquer lugar do mundo. Gente trabalhando longe dos holofotes e construindo um negócio lucrativo, moderno e sustentável. E o melhor: com um espírito de comunidade como não se vê mais nos grandes centros.

O Brasil e os brasileiros que encontrei em Entre Rios são os que não aparecem em nenhum telejornal. São um exemplo de como este país é muito maior que os cadáveres das favelas, os dólares nas cuecas, a corrupção institucionalizada, a incompetência educacional, o desmatamento incontrolável ou o sistema de saúde deteriorado que nos envergonham.

Entre Rios representa o Brasil que precisamos. E sabe de uma coisa? Existem dezenas, centenas de Entre Rios pelo Brasil.

Pena que falar deles não dá audiência.