Artigos Café Brasil
1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Visualizando as estruturas do discurso do Portal Café Brasil
Se você se aproximar do Café Brasil, prepare-se para ...

Ver mais

666 – O diabo é o pai do rock
666 – O diabo é o pai do rock
Existem dezenas de explicações para o 666 ser chamado ...

Ver mais

665 – O Vale
665 – O Vale
A trilha para o sucesso envolve trabalho duro e ...

Ver mais

664 – Sobre lagartas e borboletas
664 – Sobre lagartas e borboletas
Cara, como mudar é difícil... perder peso...manter ...

Ver mais

663 – A crisálida
663 – A crisálida
A maturidade entende que existe a escuridão no mundo, ...

Ver mais

LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
Empreendedores brasileiros, que se mudam para os ...

Ver mais

LíderCast 153 – Rafael Bernardes
LíderCast 153 – Rafael Bernardes
Empreendedor em TI, que capacita outros profissionais ...

Ver mais

LíderCast 152 – Lucia Moyses
LíderCast 152 – Lucia Moyses
Escritora, psicóloga e neuropsicóloga, um papo sobre ...

Ver mais

LíderCast 151 – Irineu Toledo
LíderCast 151 – Irineu Toledo
Radialista, uma das vozes mais marcantes e conhecidas ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Bolsonaro errou, mas nem tanto
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Bolsonaro fala demais, e sem freios. Não faz a necessária reflexão prévia. Ele precisa lembrar, urgentemente, que não é mais deputado nem está no balcão do boteco. O cargo que ocupa merece todo o ...

Ver mais

TRIVIUM: CAPITULO 2 – DIMENSÕES LÓGICA E PSICOLÓGICA DA LINGUAGEM (parte 8)
Alexandre Gomes
  Eu prometo que esse segundo capítulo vai acabar! Acho que terá umas 12 partes… Mas vamos lá! De volta à diversão. É claro que a linguagem tem aspectos LÓGICOS e PSICOLÓGICOS, veja ...

Ver mais

O Brasil da TV Globo, do Whatsapp e as manifestações do dia 26/05
Carlos Nepomuceno
RESUMO DA LIVE: LIVE COMPLETA: https://web.facebook.com/carlos.nepomuceno/videos/10157340715398631 LINKS DAS OUTRAS LIVES: ...

Ver mais

Eu não acredito na democracia moderna
Gustavo Bertoche
É preciso lançar pontes.
Eu não acredito na democracia representativa moderna. * * * Concordo com Schumpeter: no modelo de democracia do século XX, os indivíduos comuns são simplesmente consumidores de produtos políticos ...

Ver mais

Cafezinho 179 – Correndo riscos
Cafezinho 179 – Correndo riscos
Somos capazes de milagres quando parece que nada mais ...

Ver mais

Cafezinho 178 – O Exorcista
Cafezinho 178 – O Exorcista
O Brasil está sofrendo um imenso exorcismo, e o demônio ...

Ver mais

Cafezinho 177 – Os monstros da negatividade 3
Cafezinho 177 – Os monstros da negatividade 3
A negatividade tem suas raízes no medo de ser ...

Ver mais

Cafezinho 176 – Gostou? Compartilhe.
Cafezinho 176 – Gostou? Compartilhe.
Gostou? Compartilhe! Só assim, fazendo a nossa parte, ...

Ver mais

Orgulho E Vergonha

Orgulho E Vergonha

Luciano Pires -

Tenho lido e ouvido um papo antigo, que parece ganhar cada vez mais espaço na mídia. É um papo-furado, repetido como ameaça por todo canto. Querem que eu tenha vergonha. Vergonha de ter um bom emprego. Vergonha de ter um bom carro. Vergonha de morar numa bela casa, em um bairro classe “A”. Vergonha de ter educação superior. Vergonha de viajar em férias para o exterior. Querem que eu tenha vergonha de usar roupas de marca. Vergonha de ter amigos “bem de vida”. De manter meus filhos em escolas particulares. Vergonha de falar inglês. Vergonha de ter mais de duas televisões em casa. Vergonha de sair pra comer em restaurantes, de ir ao teatro quando quero. Vergonha de comprar livros importados. Vergonha de ter dado um carro para meu filho quando ele fez 18 anos…
Não tenho sobrenome famoso, não herdei coisa alguma e não tenho pai milionário. Faço parte de um grupo de brasileiros que, a partir do trabalho honesto, construiu seu patrimônio. Tenho uma vida muito diferente da vida dos milhões de miseráveis que habitam “estepaíz”. Sou “dazelite”. E por ser “dazelite” sou considerado diferente dos “outros” brasileiros. Querem me responsabilizar pela miséria dos desafortunados. Me chamam de burguês, explorador dos proletários. Querem que eu me envergonhe de ter o que nem todos têm. Querem me punir pelo meu sucesso. Insinuam a meus filhos que eles são “do mal”. A cada dia, taxam mais e mais meus ganhos e meus gastos, como que punindo minha capacidade de consumo. Baixam a qualidade dos bens e serviços de que preciso. Querem que eu me envergonhe de meu sucesso.
Mas eu sei de onde vim e como vim. Sei quanto vale e quanto custou o que tenho. Eu sei o que quero para meu país. Quero um país onde o sucesso seja celebrado. Um país no qual as pessoas que trabalham duro conquistem seu lugar ao sol. Um país onde cada um vença por mérito próprio. Um país que não dê espaço para os vagabundos. Um país onde as leis tenham um só peso, uma só medida. Um país onde as ideologias jamais sejam colocadas acima do bem comum. Um país onde a ignorância nunca seja celebrada. Um país no qual a inteligência seja cultuada, o profissionalismo seja exigido e a educação seja prioridade. Um país onde ninguém jamais tenha que se envergonhar de ser bem sucedido.
E para isso já comecei a trabalhar: fiz minha cabeça, pra ter orgulho. Orgulho de ter um bom emprego. Orgulho de ter um bom carro. Orgulho de morar numa bela casa, em um bairro classe “A”. Orgulho de ter educação superior. Orgulho de viajar em férias para o exterior. Orgulho de usar roupas de marca. Orgulho de ter amigos “bem de vida”. De manter meus filhos em escolas particulares. Orgulho de falar inglês. Orgulho de ter mais de duas televisões em casa. Orgulho de sair pra comer em restaurantes, de ir ao teatro quando quero. Orgulho de comprar livros importados. Orgulho de ter dado um carro para meu filho quando ele fez 18 anos…
Tenho orgulho de pertencer à “zelite”. De ter chegado onde cheguei, por meus méritos. De ter criado as oportunidades. De ter cultura para reconhecer os que tentam me manipular. Sou diferente, sim. Diferente dos que, em vez de celebrar o mérito, tentam fazer com que eu tenha vergonha de ser o que sou.