Portal Café Brasil
Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

1964 – O Brasil entre armas e livros
1964 – O Brasil entre armas e livros
Um documentário para ser visto como outro ângulo pelo ...

Ver mais

Os Podcasts Café Brasil Musicais
Os Podcasts Café Brasil Musicais
Música é uma de nossas grandes paixões, por isso de ...

Ver mais

#DicaNetFlix Trotsky
#DicaNetFlix Trotsky
É uma série de terror. Tem assassinos em série, ...

Ver mais

669 – Fora da Caixa 2
669 – Fora da Caixa 2
Você não precisa inventar a lâmpada para ser original. ...

Ver mais

668 – Fora da caixa
668 – Fora da caixa
Não é fácil hoje em dia ter uma ideia original, ...

Ver mais

667 – Ajuda, por favor
667 – Ajuda, por favor
Toda mudança implica em incomodação. Se não incomoda, ...

Ver mais

666 – O diabo é o pai do rock
666 – O diabo é o pai do rock
Existem dezenas de explicações para o 666 ser chamado ...

Ver mais

LíderCast 156 – Karina Oliani e Carlos Morey
LíderCast 156 – Karina Oliani e Carlos Morey
Aproveitando que o Everest está sendo discutido na ...

Ver mais

LíderCast Temporada 12
LíderCast Temporada 12
Vem aí a Temporada 12 do LíderCast, que será lançada na ...

Ver mais

LíderCast 155 – Emilio Dantas Costa
LíderCast 155 – Emilio Dantas Costa
Servidor público de carreira, que a partir das ...

Ver mais

LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
LíderCast 154 – Diógenes e Michelle Cezila
Empreendedores brasileiros, que se mudam para os ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

Komsomol brasileiro
Fernando Lopes
Iscas Politicrônicas
Um dos métodos mais eficazes para garantir a lavagem cerebral nos jovens de tenra idade (muitas vezes órfãos, vítimas da guerra ou dos pavorosos assassinatos em massa ordenados por Stalin) na ...

Ver mais

O terrorismo do país da mesada
Carlos Nepomuceno
LIVE COMPLETA.

Ver mais

O que é Respeito?*
Alessandro Loiola
Quando éramos crianças, fomos ensinados, por bem ou por mal, a respeitar nossos pais e professores, nossa família, as autoridades, as regras, as leis, os sentimentos das pessoas, os emblemas de ...

Ver mais

RevoX: Pense fora do caixão
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
RevoX: Pense fora do caixão Participe você também “Quando foi a última vez que você fez alguma coisa pela primeira vez?” Acompanhei a primeira sessão da webcast RevoX – A revolução ...

Ver mais

Cafezinho 186 – A disciplina intelectual
Cafezinho 186 – A disciplina intelectual
Na definição dos dicionários, disciplina é o conjunto ...

Ver mais

Cafezinho 185 – O princípio Eisenhower
Cafezinho 185 – O princípio Eisenhower
Dê uma olhada nas pautas em discussão nas mídias. Veja ...

Ver mais

Cafezinho 184 – O desequilíbrio do gênio
Cafezinho 184 – O desequilíbrio do gênio
Só consigo entender isso como o desequilíbrio do gênio.

Ver mais

Cafezinho 183 – Ostracismo social
Cafezinho 183 – Ostracismo social
Olhando os jornais e tevês, parece que estamos inertes, ...

Ver mais

Cafezinho 165 – Moralfabetismo

Cafezinho 165 – Moralfabetismo

Luciano Pires -

No PodSumário 024 – O Caminho para o Caráter, que os assinantes do Café Brasil Premium receberam no mês passado, o autor David Brooks comenta que o Google tem uma funcionalidade chamada Google Ngram, que examina o conteúdo de livros e textos, permitindo saber quais palavras foram mais ou menos usadas ao longo dos anos nas publicações. E o que ele mostra é que ao longo das últimas décadas houve um crescimento considerável no uso de termos e frases individualistas, como “meu eu”, “personalizado”, “eu em primeiro lugar” e “eu faço por mim mesmo”. Ao mesmo tempo, se nota um considerável declínio de termos e frases relacionadas com comunidade, como “compartilhar”, “unido” e “bem comum”.

O uso de termos relacionados com a economia e negócios cresceu enquanto os relacionados com a moralidade e caráter, caiu.

Termos como “caráter”, “virtude” e “consciência” declinaram ao longo do século 20. O uso do termo “bravura” caiu 66%, “gratidão” caiu 49%, “humildade” caiu 52% e “gentileza” caiu 56%. Isso contribui para a incapacidade de articulação do discurso moral.

Vivemos tempos de autonomia moral, onde cada indivíduo é incentivado a utilizar sua própria visão de mundo, e tudo fica cada vez mais relativo. E, a menos que você seja Aristóteles, fica complicado viver assim.

Pesquisas realizadas nos Estados Unidos, pediram a universitários que relatassem um dilema moral que tivessem vivido recentemente. E dois terços dos estudantes foram incapazes de responder, pois não sabiam, por falta de repertório, definir um dilema moral.

O livro foi publicado em abril de 2015 nos Estados Unidos, e a reflexão que propõe, cai como uma luva ao Brasil de hoje.

Acesse cafedegraca.com, faça sua inscrição gratuita de 30 dias no Premium e leia ou ouça o PodSumário O Caminho para o Caráter.

É luz na escuridão.

 

Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, um MLA – Master Life Administration, que ajuda a refinar sua capacidade de julgamento e tomada de decisão. www.cafebrasilpremium.com.br