Portal Café Brasil
Palestra O Meu Everest
Palestra O Meu Everest
Meu amigo Irineu Toledo criou um projeto chamado ...

Ver mais

Brazilian Rhapsody
Brazilian Rhapsody
O pessoal da Chinchila fez uma paródia de Bohemian ...

Ver mais

O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts
O Guia do Anunciante em Podcasts traz informações ...

Ver mais

Bandidos Na TV
Bandidos Na TV
Assisti Bandidos Na Tv, nova série na NetFlix, que ...

Ver mais

691 – Os agilistas
691 – Os agilistas
Conversei com o Marcelo Szuster no LíderCast 175, um ...

Ver mais

690 – Vale quanto?
690 – Vale quanto?
Cara, você aceita pagar pelo ingresso de um show a ...

Ver mais

689 – A Missão
689 – A Missão
De quando em quando publicamos no Café Brasil a íntegra ...

Ver mais

688 – Doar órgãos é doar vida
688 – Doar órgãos é doar vida
A doação de órgãos é um ato de generosidade, é o ...

Ver mais

LíderCast 178 – Tristan Aronovich
LíderCast 178 – Tristan Aronovich
Ator, músico, escritor, diretor e produtor de cinema, ...

Ver mais

LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
LíderCast 177 – Rodrigo Ricco
CEO da Octadesk, empresa focada na gestão de ...

Ver mais

LíderCast 176 – Willians Fiori
LíderCast 176 – Willians Fiori
Professor, podcaster e profissional de marketing e ...

Ver mais

LíderCast 175 – Marcelo Szuster
LíderCast 175 – Marcelo Szuster
O cara do “Business Agility", que trata da capacidade ...

Ver mais

Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Cafezinho Live – Como será o Brasil com Bolsonaro
Um bate papo entre Adalberto Piotto, Carlos Nepomuceno ...

Ver mais

046 – Para quem vai anular o voto
046 – Para quem vai anular o voto
Fiz um vídeo desenhando claramente o que acontece com ...

Ver mais

Confraria Café Brasil
Confraria Café Brasil
A Confraria Café Brasil nasceu para conectar pessoas ...

Ver mais

Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata T02 10
Videocast Nakata Temporada 02 Episódio 10 - Hábitos ...

Ver mais

O chamado da tribo
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
O chamado da tribo Grandes pensadores para o nosso tempo “O liberalismo é inseparável do sistema democrático como regime civil de poderes independentes, liberdades públicas, pluralismo político, ...

Ver mais

A chave de fenda
Chiquinho Rodrigues
Toninho Macedo era um daqueles músicos de fim de semana. Amava música e tocava seu cavaquinho “de brincadeira” (como ele dizia) aos sábados e domingos em uma banda de pagode ali do bairro onde ...

Ver mais

Trivium: Capítulo 3 – Morfologia Sincategoremática (parte 6)
Alexandre Gomes
A MORFOLOGIA SINCATEGOREMÁTICA se refere a PALAVRAS que só tem significado quando associadas a outras PALAVRAS.   Bom, se tais palavras se referente a outras palavras, então as funções delas ...

Ver mais

Vilmoteca
Chiquinho Rodrigues
Ser músico e ter viajado por esse imenso Brasil são dádivas que agradeço todo dia ao Papai do Céu! Ter colecionado experiências e conhecido os mais variados tipos de malucos acabaram fazendo de ...

Ver mais

Cafezinho 230 – Onde começam as grandes causas
Cafezinho 230 – Onde começam as grandes causas
Você tem a força. Mas antes de colocá-la nas grandes ...

Ver mais

Cafezinho 229 – Manicômio Legal
Cafezinho 229 – Manicômio Legal
O manicômio legal no qual estamos presos.

Ver mais

Cafezinho 228 – O medo permanente
Cafezinho 228 – O medo permanente
Enquanto destruíam nosso sistema de justiça criminal ...

Ver mais

Cafezinho 227 – Paralisia por análise
Cafezinho 227 – Paralisia por análise
A falta de experiência e repertório dessa moçada ...

Ver mais

Cafezinho 189 – Sempre Alerta

Cafezinho 189 – Sempre Alerta

Luciano Pires -

CAFEZINHO 189 – Sempre Alerta

Ah, quando a gente lê sobre a educação no começo do século 20 parece que lemos sobre outro planeta. A garotada passava apertado, num ambiente que não abria mão do respeito e da disciplina. Eu peguei um restinho disso em meu tempo de estudante da metade para o final dos anos sessenta. O interessante é que sempre que falo sobre esse assunto com as pessoas que têm mais ou menos a minha idade, ninguém, repito, ninguém reclama de ter sido enquadrado naquela disciplina rígida. Pelo contrário. Todo mundo diz: ainda bem!

Naqueles mesmos anos sessenta, fui lobinho, dentro do Movimento Escoteiro. Fazia parte de um grupo de crianças que se reunia para desenvolver atividades sociais, pequenas aventuras e assistir aulas sobre temas ligados a valores morais. Éramos divididos em matilhas, cada uma composta de cinco a sete garotos vestindo uniformes azuis, bonés, distintivos e lenços no pescoço. Meu monitor se chamava Araquém e as reuniões aconteciam aos domingos pela manhã, no pátio de uma escola. Um outro grupo, só de meninas, fazia o mesmo. Eram as Bandeirantes.

O sonho de todo lobinho era virar escoteiro. Os escoteiros eram garotos mais velhos e ser lobinho era uma preparação para ascender ao grupo de elite. Eu sonhava com o dia em que vestiria aquela farda cáqui, o chapéu igual ao da Polícia Montada do Canadá, o lenço preso por um anel de couro com a flor de lótus dourada. E usaria um bastão! Aquilo era o máximo e me lembro do dia em que fui promovido a escoteiro e recebi o lenço e o chapéu numa cerimônia cheia de protocolos. Cada distintivo, cada detalhe era conquistado após o cumprimento de uma etapa, com provas específicas. Nossa saudação era uma espécie de continência com os três dedos juntos: “Sempre Alerta!”

Hoje, lembrando daqueles anos bons de mais de meio século atrás, se você me perguntar quais foram os atributos mais importantes que aprendi, eu digo sem piscar e cheio de orgulho: Respeito e disciplina.

Que, não por acaso, andam em falta no mercado, o que explica grande parte do abismo moral no qual estamos enfiados.

 

Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, um MLA – Master Life Administration, que ajuda a refinar sua capacidade de julgamento e tomada de decisão. www.cafebrasilpremium.com.br