Portal Café Brasil
Produtividade Antifrágil
Produtividade Antifrágil
PRODUTIVIDADE ANTIFRÁGIL vem para provocar você a rever ...

Ver mais

Cafezinho Live
Cafezinho Live
Luciano Pires, criador e apresentador dos podcasts Café ...

Ver mais

Me Engana Que Eu Gosto
Me Engana Que Eu Gosto
Me engana que eu gosto: dois meio brasis jamais somarão ...

Ver mais

Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando o Podcast Café Brasil 700!
Tá chegando a hora do Podcast Café Brasil 700!

Ver mais

Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Café Brasil 724 – A Pátria dos bobos felizes
Nos últimos 100 anos, na Alemanha e nos EUA, o ...

Ver mais

Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Café Brasil 723 – O Paradoxo do Dadinho
Pois é... esta semana completo 64 anos de idade. ...

Ver mais

Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Café Brasil 722 – O Poder do Mau
Um Podcast Café Brasil com quase três horas de duração ...

Ver mais

Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Café Brasil 721 – Lake Street Dive
Olha, os dias andam um saco! Todo mundo nervoso, ...

Ver mais

Comunicado sobre o LíderCast
Comunicado sobre o LíderCast
Em função da pandemia e quarentena, a temporada 16 do ...

Ver mais

LíderCast 204 – Marco Bianchi
LíderCast 204 – Marco Bianchi
Humorista, um dos criadores dos Sobrinhos do Athaíde, ...

Ver mais

LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
LíderCast 203 – Marllon Gnocchi
Empreendedor de Vitória, no Espírito Santo, que começa ...

Ver mais

LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
LíderCast 202 – Richard Vasconcelos
Que está à frente da LEO Learning Brasil, uma empresa ...

Ver mais

Sobre Liberdade
Sobre Liberdade
Abri uma das aulas de meu curso Produtividade ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
Minuto da Produtividade 4 – Registre os pensamentos e ideias
A mente da gente é que nem o Windows; está agitando mas ...

Ver mais

Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 – Livre-se do lixo
Minuto da Produtividade 3 - Livre-se do lixo

Ver mais

Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Minuto da Produtividade 2 – Desenvolva sua própria pegada produtiva
Desenvolva a sua própria pegada produtiva!

Ver mais

Pandemia ou misantropia?
Filipe Aprigliano
Iscas do Apriga
Mais importante que defender a sua opinião, é defender o direito de livre expressão e escolha.

Ver mais

Revisionismos e intolerância
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Revisionismos e intolerância “Sabemos que ninguém jamais toma o poder com a intenção de largá-lo. O poder não é um meio, é um fim em si. Não se estabelece uma ditadura com o fito de salvaguardar ...

Ver mais

Motivos de orgulho
Luiz Alberto Machado
Iscas Econômicas
Motivos de orgulho Numa época repleta de dificuldades, pessimismo e más notícias como a que estamos vivendo em razão da pandemia de coronavírus e suas consequências sanitárias, econômicas, ...

Ver mais

5 ações de marketing para ajudar a superar a crise do coronavírus
Michel Torres
Negócios em todo o mundo estão sentindo os efeitos da pandemia: menos clientes, menor receita e o medo de não ter condições de aguentar esse tempo de prejuízo. Precisamos salvaguardar a saúde e o ...

Ver mais

Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Cafezinho 295 – O Domingão do Faustinho
Estamos assistindo a uma revolução na mídia, meus ...

Ver mais

Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Cafezinho 294 – Vem pra Confraria
Se você vê algum valor em nosso trabalho, acesse ...

Ver mais

Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Cafezinho 293 – Democracia da porta pra fora.
Não coloque a distribuição do seu trabalho nas mãos das ...

Ver mais

Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Cafezinho 292 – A bunda da Daniele
Qual janela você escolheu para ver o mundo?

Ver mais

Cafezinho 195 – No mundo da lua

Cafezinho 195 – No mundo da lua

Luciano Pires -
Sábado, 20 de Julho de 2019, completam-se 50 anos do pouso do homem na Lua. 50 anos! Em fevereiro de 2018 visitei o Museu Aeroespacial em Washington e fiquei muito tempo diante das cápsulas do Mercury e da Gemini, os dois projetos que antecederam o Apollo, que colocou o homem na lua. O que chamou a atenção, além do tamanho minúsculo das naves, foram os painéis de controle. Parecia coisa daqueles filmes de ficção científica dos anos 50… Passam uma ideia de artesanato, daquelas coisas que são feitas uma vez só… Cara, como é que alguém tinha coragem de entrar naquilo e colocado na ponta de um foguete pra ser disparado para o espaço? Sem garantia de voltar? Os astronautas eram feitos de algum material diferente do nosso…
 
O sucesso das missões e a vida dos astronautas dependia completamente dos cálculos de navegação. Quem assistiu o filme Estrelas Além do Tempo sabe do que estou falando. Os computadores de bordo eram pouco mais que calculadoras, não havia no começo dos anos 1960 tecnologia para construir microcomputadores. Mas aí um líder visionário entrou em campo. Em 25 de maio de 1961, no auge da guerra fria, pressionado pela Russia, que um mês antes enviara o primeiro homem ao espaço, o presidente John Kennedy uniu o país em torno de uma missão impossível: vencer a corrida espacial, colocando um homem na lua antes do final da década. E ao estabelecer de forma clara uma competição com os Russos, que estavam à frente na corrida espacial, Kennedy completou sua fala pedindo diretamente ao Congresso que garantisse os recursos para as atividades espaciais, para, primeiro : antes do final da década colocar um homem na Lua e trazê-lo de volta são e salvo. Segundo: desenvolver um foguete nuclear para a ambiciosa exploração do espaço, inclusive além da Lua, até o fim do sistema solar. Terceiro: acelerar o uso de satélites espaciais para possibilitar a comunicação em todo o mundo. Quarto: desenvolver um sistema de satélites para monitorar o clima.
 
E Kennedy completou assim: “…estou pedindo ao Congresso e ao país para que aceitem o compromisso com um novo caminho, que durará muitos anos e terá um custo muito grande, 531 milhões de dólares em 1962 e 7 a 9 bilhões de dólares nos cinco anos seguintes. E se for para fazer pela metade ou reduzir nossos objetivos em face às dificuldades, é melhor nem começar.”
 
Bem, colocar o homem na lua custou mais de 20 bilhões de dólares, o que significa 180 bilhões em dólares de hoje. E mudou o curso da história da humanidade. Sabe como? Então ouça o Café Brasil 675 – O Homem na Lua. A história tá todinha lá.
 
 
 
Este cafezinho chega a você com apoio do Cafebrasilpremium.com.br, um MLA – Master Life Administration, que ajuda a refinar sua capacidade de julgamento e tomada de decisão. www.cafebrasilpremium.com.br